Todo tremor é Parkinson?

Todo tremor é Parkinson?

4 minutos Tremor é um tipo de movimento incontrolável ​​que afeta algumas pessoas com doença de Parkinson. Esse sintoma faz com que o corpo se mova de uma forma involuntária. Apesar do tremor estar associado ao Parkinson, ele também surge de maneira isolada em quem não tem Parkinson. Conhecido como tremor essencial, esse é o distúrbio do movimento mais comum que existe, afetando maior número de pessoa que o próprio Parkinson. Conheça a diferença entre esses dois tipos de tremores: O que é tremor? Continue lendo

Parkinson e a Vida Profissional

Parkinson e a Vida Profissional

5 minutos Uma das principais dúvidas dos pacientes com Parkinson é a respeito da vida profissional. Realmente, não se pode negar que a doença de Parkinson impõe uma série de limitações aos pacientes, atingindo também muitos no âmbito profissional. No entanto, com tratamento adequado, os sintomas mais incapacitantes podem ser bem controlados e não prejudicar o convívio social nem a capacidade profissional do paciente. Além disso, atualmente, muitas conquistas têm sido obtidas para tornar o ambiente de trabalho em um lugar onde as diferenças Continue lendo

Como reconhecer os 11 sinais iniciais do Parkinson

Como reconhecer os 11 sinais iniciais do Parkinson

9 minutos O Parkinson é uma doença neurológica progressiva. Pacientes com Parkinson experimentam vários sintomas físicos, cognitivos e psicológicos. Muitas vezes, os primeiros sintomas da Doença de Parkinson são tão sutis que passam despercebidos durante anos ou podem até mesmo ser considerados traços característicos do envelhecimento, dificultando ainda mais o diagnóstico da doença. Conforme a doença progride, a falta de habilidades motoras se torna mais aparente. Isto é seguido por deficiências cognitivas, incluindo problemas como não conseguir pensar com a rapidez suficiente para manter Continue lendo

Aprenda a lidar com os efeitos colaterais dos medicamentos utilizados no tratamento do Parkinson

Aprenda a lidar com os efeitos colaterais dos medicamentos utilizados no tratamento do Parkinson

4 minutos A prescrição de medicamentos é uma das principais maneiras de fazer o gerenciamento dos sintomas da doença de Parkinson. Muitas drogas podem ser utilizadas para retardar a progressão da doença. Algumas vezes pode ser necessário até mesmo que o paciente use uma combinação dessas drogas para conseguir controlar os sintomas da doença. Embora os medicamentos de Parkinson sejam considerados seguros, podem causar efeitos colaterais. Além disso, alguns desses medicamentos também podem interagir com outros medicamentos que o paciente já toma. Veja abaixo Continue lendo

As perguntas que as pessoas mais fazem sobre Parkinson na internet

As perguntas que as pessoas mais fazem sobre Parkinson na internet

6 minutos Todo mundo sabe que o “Dr. Google” é um dos piores lugares para alguém tentar fazer um diagnóstico de qualquer doença. O melhor caminho para você saber se possui alguma doença segue sendo a consulta ao médico.   Porém, não podemos de forma alguma esquecer ou diminuir os efeitos benéficos que a internet trouxe para a divulgação de informações. Hoje, a área de saúde é a segunda mais pesquisada no Google, e isso ajudou a aproximar a medicina da população em geral. Continue lendo

Estimulação Cerebral Profunda – novo estudo mostra que a cirurgia pode também evitar a progressão da doença.

Estimulação Cerebral Profunda – novo estudo mostra que a cirurgia pode também evitar a progressão da doença.

4 minutos Pela primeira vez, um tratamento para a doença de Parkinson pode realmente ajudar a interromper sua progressão. Um novo estudo apresentado no Congresso de Cirurgiões Neurológicos realizado em Schaumburg, no estado americano de Illinois, concluiu que a estimulação cerebral profunda mostrou ter efeitos benéficos significativos quando utilizada em pessoas mais cedo do que se acreditava anteriormente. “A DBS é a primeira terapia a mostrar o efeito modificador da doença – pode na verdade retardar as características cardinais do Parkinson. Não houve terapia, Continue lendo

Descobrindo o Parkinson na Família – a jornada do cuidador

Descobrindo o Parkinson na Família – a jornada do cuidador

5 minutos Os sintomas do Parkinson são bastante comuns e alguns bem conhecidos pelas pessoas. Quando algum familiar começa a mostrar estes sintomas é comum que as famílias, mesmo ainda sem consultar um médico, comecem a supor que o ente querido está doente.   Porém, nada é mais forte que o diagnóstico oficial da doença de Parkinson. O choque causado pode ser extremamente traumático no começo, e o mais comum é que nesta hora aconteça a negação da família:   Como o médico pode Continue lendo

Parkinson e Depressão – Qual a conexão?

Parkinson e Depressão – Qual a conexão?

6 minutos Pessoas com doença de Parkinson em sua maioria também sofrem de depressão. O cálculo é que 50% dos parkinsonianos vão passar por algum tipo de quadro de depressão ao longo da doença. Os sintomas do Parkinson impõem desafios emocionais ao paciente e isso também pode causar depressão. Alterações químicas no cérebro relacionadas à própria doença podem resultar em depressão. Como se pode ver a conexão entre Parkinson e depressão existe e esta já é a causa não-motora mais comum entre os pacientes. Continue lendo

Parkinson é hereditário?

Parkinson é hereditário?

6 minutos A doença de Parkinson possui sintomas que transformam a vida do paciente e exige muito apoio e cuidado dos familiares. Por este motivo, não é raro que em algum momento o paciente e os familiares se perguntem se poderão também ter Parkinson. A hereditariedade do Parkinson é algo raro. Essa doença tem sido rastreada e identificada por diferentes mutações genéticas, no entanto, a maioria dos casos de Parkinson tem uma causa desconhecida. O que sabemos é que a doença de Parkinson é Continue lendo

Os Fatores Ambientais associados a Doença de Parkinson

Os Fatores Ambientais associados a Doença de Parkinson

5 minutos Entender melhor os fatores ambientais que provocam a Doença de Parkinson é uma obsessão de diversos cientistas ao redor do mundo. A causa exata do Parkinson ainda é desconhecida, porém a maioria dos especialistas concorda que a doença é causada por uma combinação de fatores genéticos e ambientais.   Se para os cientistas entender a interação entre genes e ambientes, imagine para quem é leigo no assunto. O que precisamos deixar claro é que a exposição a alguns destes fatores ambientais estudados Continue lendo